home natural    
       Publicidade
EXPOBOR
   
   
Divulgação

  Anuncie
Mostre sua marca para o mundo da borracha
Garanta seu espaço!

  Revista Lateks
Única publicação especializada
em heveicultura no Brasil
Compre!

Agenda

ABC

Tempo

 

 
     ASSINATURAS      Boletim      Anuncie      Fale Conosco      Política do Site     
Produção de látex líquido pode ser viável no Brasil (conteúdo aberto) PDF
14/09/2020

Produção e consumo de látex de borracha natural será discutido em evento beneficente

Camila Gusmão

Qual é a produção e o consumo de látex de borracha natural no Brasil? Quais são as perspectivas para o futuro? O assunto será debatido no seminário online “Encontros Borracha Natural - Edição Látex”, a ser realizado na nesta terça-feira (15), a partir das 17h (horário de Brasília).

LATEKS/ Heiko Rossmann

Produção de látex virgem (líquido) ainda é muito pequena no Brasil

O evento é realizado pela Associação Brasileira de Tecnologia da Borracha (ABTB), Associação Paulista de Produtores e Beneficiadores de Borracha (Apabor) e Associação Brasileira da Indústria de Artefato de Borracha (Abiarb) e terá toda a renda revertida para as famílias de seringueiros do Estado de São Paulo.

A ação tem como objetivo debater a viabilidade do desenvolvimento de uma matriz produtora de látex no Brasil como alternativa para heveicultores, com benefícios para toda a cadeia produtiva. Segundo os especialistas, para que isso aconteça, são necessárias melhorias no campo e no processamento do látex, além de um trabalho de mudança cultural em relação ao látex nacional na indústria consumidora.

Time especialista

A apresentação terá como mediadora Yvette da Palma Richards, engenheira química e especialista em qualidade da borracha natural, com 40 anos de experiência como gerente de desenvolvimento de matéria-prima na fabricante de pneus Pirelli.

Os convidados para debater o tema são: Heiko Rossmann, engenheiro agrônomo com experiência em mercado da borracha, diretor da Lateks Comunicação, empresa gestora do portal Borracha Natural; Cássio Henrique Junqueira Scomparin, engenheiro agrônomo e consultor em heveicultura, com 18 anos de experiência como gerente agrícola na Michelin, diretor da Planthec; e Edson Bassan, consultor técnico com mais de 40 anos de experiência em aplicações do látex da seringueira.

Segundo Yvette, no mercado de borracha de origem natural frequentemente damos ênfase àquela destinada à indústria de pneus, maior mercado consumidor. Neste evento, no entanto, será discutido o segundo mercado mais significativo, que é o do látex.

“Compartilharemos informações sobre a posição do Brasil frente ao mercado internacional, a qualidade do nosso produto e como a pandemia impactou este mercado. Com a participação de especialistas da área, vamos discorrer sobre as oportunidades no segmento de látex, desde o campo até o artefato final, suas vantagens e desafios. Será uma oportunidade ímpar para se informar e esclarecer dúvidas do público, que poderá interagir conosco na plataforma do ‘webinário’. Afinal, existe viabilidade para o Brasil neste negócio?”, destaca.

Evento beneficente

Esta é a segunda edição da série de eventos online com o tema borracha natural, e terá toda a renda obtida com as inscrições revertida em auxílio aos seringueiros paulistas.

As inscrições podem ser realizadas em www.abtb.com.br/webinar-latex.php.

O evento conta com o apoio institucional da Associação Brasileira de Produtores e Beneficiadores de Borracha (Abrabor) e da Sociedade Latino-americana de Tecnologia da Borracha (SLTC).

 


RELACIONADAS
Látex líquido pode ser alternativa para equilibrar finanças do heveicultor
Webinar debate qualidade da borracha natural brasileira
Impactos da pandemia no mercado da borracha são discutidos em webinar
Campanha da Apabor arrecada mais de 1.700 cestas básicas


 

Permitida a reprodução total ou parcial, desde que citada a fonte.

 

 
< Anterior   Próximo >
   
   
© 2009-2019 LATEKS COMUNICACAO LTDA. Todos os direitos reservados.
Rua Campos Salles, 1753 - Vila Boyes - CEP 13416-310 - Piracicaba-SP
Atendimento preferencial por e-mail: vendas@lateks.com.br
Supported by
lateks