Borracha Natural Brasileira

Borracha via e-mail: Ano VII, n.307, 07 de fevereiro de 2007.

O informativo eletrônico do Projeto Borracha Natural Brasileira.
Indique o Borracha via e-mail · Assine o conteúdo exclusivo
natural
Patrocínio/Apoio
Petroflex NB Polifer Apabor
Editorial

Aquecimento do planeta já afeta seringueira

As mudanças climáticas provocadas pela ação do homem já provocam alterações na agricultura em diversas regiões do país. E também geram especulações sobre a substituição e expansão de algumas culturas, incluindo a seringueira.

No último dia 3, a agência de notícias Folha Online veiculou a matéria “Crise climática pega Brasil desprevenido”, na qual a expansão da seringueira no noroeste do Estado de São Paulo é atribuída ao aquecimento do planeta, pura e simplesmente. O texto relata que a seringueira estaria substituindo a cultura do café devido a melhor adaptação ao clima quente na região, que se assemelharia ao da Amazônia.

A verdade é que a seringueira se adaptou bem às condições climáticas do noroeste paulista, ainda em meados do século passado, e a expansão da cultura se deve ao trabalho árduo executado pelo setor privado – produtores rurais e usinas de beneficiamento – e pelo setor público – instituições de pesquisa e, no passado, de assistência técnica.

Deve-se lembrar ainda que o interior de São Paulo é área de escape do Mal-das-folhas, a principal doença da seringueira. Causada pelo fungo Microciclus ulei, a doença inviabilizou o cultivo de seringueira em larga escala na região amazônica, centro de origem e diversidade da espécie.

Não que o aquecimento do planeta não contribua com o aumento da área sob seringueira. Se uma atividade agrícola está sendo afetada pelas mudanças no clima, causando perda de produtividade, o produtor rural busca imediatamente uma alternativa. A seringueira pode despontar como primeira opção no interior paulista.

O mercado internacional da borracha natural segue em alta, com a SMR20 (Standard Malaysian Rubber 20) fechando hoje (7) a US$ 2,1030/kg na Bolsa de Borracha da Malásia. A oferta restrita, causada pelas chuvas fortes no sudeste asiático, impulsionou a elevação dos preços.

Confira a matéria “Consumo de borracha deve aumentar 4,7% em 2007”, na coluna Borracha em Foco desta semana, que mostra as projeções de consumo mundial de elastômero natural e sintético para este ano.

Heiko Rossmann
Coordenador

Borracha em Foco

Consumo de borracha deve aumentar 4,7% em 2007

Após um ano com crescimento de apenas 2,3%, o consumo mundial de borracha deve aumentar 4,7% em 2007, para 22,51 milhões de toneladas. Em 2006, a demanda mundial alcançou 21,50 milhões de toneladas, compreendendo 58,3% de borracha sintética e 41,7% de natural. Os dados são do International Rubber Study Group (IRSG).

O mercado asiático, particularmente China e Índia, continuará a conduzir o crescimento da demanda por borracha, que deve aumentar 5,4% em 2008, antes da...

Continua...

Clipping

Agricultura e Heveicultura
Grupo Otávio Lage prevê forte expansão
Seringais para evitar o "caos social"
Preços do café podem recuar no curto prazo
Exportações de frango devem crescer 5%

Sudeste Asiático
MALÁSIA – Aprovado projeto de florestamento de RM 50 milhões
VIETNÃ – Companhia vietnamita garante licença para plantio de seringueira no Laos
INDONÉSIA – Governo estuda plano de restrição para dendê

Amazônia e Meio Ambiente
Aquecimento global vai tornar o Semi-Árido uma região mais inóspita, estima conselheiro da WWF
Temperatura do planeta aumentará até 4ºC até 2100, diz ONU
Aquecimento global chega mais rápido do que se previa, diz especialista
Protocolo de Quioto é insuficiente para impedir aquecimento global, diz presidente do Pnuma
Mais de 40 países pedem organização da ONU para o meio ambiente
Emissão de gás carbônico precisa cair pela metade
Brasileiros são os mais conscientes sobre aquecimento global
Aquecimento fará milhões de famintos e sem água neste século, diz estudo
Indonésia deve perder 2.000 ilhas até 2030
China registra 60% de vendas de carros de baixas emissões
BNDES estuda linha de crédito para distritos florestais e manejos sustentáveis
Greenpeace vê Brasil dependendo menos de hidrelétricas em 2050

Petróleo e Borracha Sintética
Copesul planeja novo pólo de elastômeros
Copesul registra lucro líquido 10% maior em 2006
Nafta em queda alivia situação de petroquímicas brasileiras
China começa a abastecer sua 1ª reserva estratégica de petróleo
Produção de biocombustível dos EUA é insustentável, diz presidente da Petrobras
EUA – Columbian Chemicals adquire planta de negro de fumo na China

Indústria Consumidora
Três novas companhias ingressam no IRSG
Bridgestone inaugura segunda fábrica no país
Volvo anuncia aumento de 24% no lucro do quarto trimestre de 2006
Indústria automobilística tem melhor janeiro dos últimos 10 anos
Produção de veículos no Japão cresceu 6,3% em 2006
CHINA – South China Tire expande produção de pneus

Ciência e Tecnologia
Incubadora tem nova empresa
Linha de produção – Estrada ruim gera mais poluição

Indicadores
Indicadores mensais Dezembro Janeiro Variação Fevereiro
Coágulo (SP) * MIN R$ 1,40 R$ 1,40 0,0% ---
Coágulo (SP) * MED R$ 1,55 R$ 1,50 -3,2% ---
Coágulo (SP) * MAX R$ 1,71 R$ 1,70 -0,6% ---
GEB-1 (SP) ** R$ 4,06 R$ 4,06 0,0% R$ 4,11
GEB-1 (Apabor) R$ 3,95 R$ 3,78 -4,3% R$ 4,41
Dólar (EUA) R$ 2,1499 R$ 2,1385 -0,5% R$ 2,0945
Petróleo WTI US$ 62,09 US$ 54,35 -12,5% US$ 58,49
Petróleo Brent US$ 62,35 US$ 54,62 -12,4% US$ 57,91
* Coágulo com DRC médio de 53%; ** Preço médio pago pela indústria pneumática às usinas de beneficiamento
paulistas, ajustado pela Taxa Selic para o prazo de 15 dias. Fonte: Coágulo e GEB-1: levantamento junto ao setor;
Dólar (EUA): Banco Central do Brasil (www.bcb.gov.br); Petróleo WTI: New York Mercantile Exchange
(www.nymex.com); Petróleo Brent: International Petroleum Exchange of London (www.ipe.uk.com).

Curtas

Preço do coágulo registra queda de 3,2%: O preço médio do coágulo (DRC 53%) registrou queda de 3,2% em janeiro, para R$ 1,50/kg, contra R$ 1,55/kg no mês anterior. Os negócios variaram de...
Continua...

Preço do látex paulista cai em janeiro: O preço médio do látex in natura no interior do Estado de São Paulo registrou queda de 4,7% em janeiro, para R$ 1,23/kg, ante R$ 1,29/kg no último mês de 2006. Os negócios variaram de...
Continua...

Outros indicadores:
Diários: SMR10, SMR20, Látex Centrifugado (Malásia), STR20, Látex Centrifugado (Tailândia), RSS4 (Índia), Látex Centrifugado (Índia), Dólar, GEB-1 (Apabor), Rubber Index; Semanais: SMR10, SMR20, Látex Centrifugado (Malásia), STR20, Látex Centrifugado (Tailândia), RSS4 (Índia), Látex Centrifugado (Índia), Dólar, Petróleo WTI, Petróleo Brent; Mensais: Látex in natura (SP), Látex Centrifugado (SP), Coágulo (SP), GEB-1 (SP), GEB-1 (Apabor), SMR10, SMR20, Látex Centrifugado (Malásia), STR20, Látex Centrifugado (Tailândia), RSS4 (Índia), Látex Centrifugado (Índia), Dólar, SBR 1502, SBR 1712, BR 45, Petróleo WTI, Petróleo Brent; Estimativa do Preço Futuro Internalizado da Borracha Natural - EPF-Borracha

Eventos

Plastics & Rubber Vietnam
Período: 07-10/03/2007
Local: Ho Chi Minh, Vietnã
Promoção: Allworld Exhibitions
Informações: http://www.plasticsvietnam.com

M-PLAS 2007
3rd International Plastics and Rubber Trade Fair for Malaysia
Período: 29/03-01/04/2007
Local: Kuala Lumpur, Malásia
Promoção: Messe Düsseldorf Asia Pte Ltd
Informações: http://www.mplas.com

I Congresso Brasileiro de Heveicultura
Período: 18-20/09/2007
Local: Guarapari, ES
Promoção: Incaper
Informações: galveas@incaper.es.gov.br

K 2007
17th International Fair for Plastics and Rubber
Período: 24-31/10/2007
Local: Düsseldorf, Alemanha
Promoção: Messe Dusseldorf GmbH
Informações: http://www.k-online.de

Continua...

Equipe
Heiko Rossmann
Coordenador
hrossman@natural.agr.br
Augusto Hauber Gameiro
Analista econômico
gameiro@natural.agr.br
Raquel Bazzo
Jornalista
raquel@natural.agr.br
     
Mariana Perozzi
Jornalista
mariana@natural.agr.br
Tania Bragado
Comercial
tbragado@natural.agr.br
Roberta Alcarde
Colaboradora
roberta@natural.agr.br

Indique outras pessoas para receber o informativo eletrônico "Borracha via e-mail" gratuitamente.
Envie sua mensagem com críticas e sugestões para borracha@borrachanatural.agr.br.
Caso não queira mais receber o informativo Borracha via e-mail, responda esta mensagem com o assunto "Remover".

www.borrachanatural.agr.br

© 2005 Natural Consultoria S/S Ltda. Todos os direitos reservados.