Borracha Natural Brasileira - Brazilian Natural Rubber
Do Brasil para o Mundo - From Brazil to the World

Borracha via e-mail: Ano VII, n.326, 03 de julho de 2007.
O informativo eletrônico do Sistema de Informações Agroindustriais da Borracha Natural.
Indique o Borracha via e-mail · Assine o conteúdo exclusivo

Rubber by e-mail: n.326, July 03 2007.
An international newsletter of the Brazilian Natural Rubber Agro-industrial Information System.
Suggest this newsletter · Subscribe to it’s exclusive content

borracha

natural

Patrocínio - Sponsors
Petroflex NB Polifer Apabor
Carta do Editor – Letter from the editor

Seringueira causa danos ao meio ambiente?

Caros leitores,

O título de nossa carta pode causar estranheza, uma vez que a heveicultura é considerada uma atividade extremamente amiga do meio ambiente.

Mas tudo é relativo e nossa cultura da seringueira não foge à regra.

Na China, como poderão ler em notícia publicada em um importante jornal daquele país, o cultivo desenfreado da cultura em uma determinada região está causando sérios danos ao meio ambiente, seja pela poluição das reservas hídricas por pesticidas utilizados nos seringais, seja pela simples exaustão das reservas hídricas devido ao consumo de água pelos seringais.

Isto é um fato que está devidamente documento pela mídia chinesa: a lucratividade da produção da borracha natural nos últimos anos está estimulando fortemente o aumento do cultivo no país, gerando desequilíbrios ambientais sérios.

De longa data já sabíamos que a Ásia, mais especificamente a China, apresenta limitações naturais desse tipo. E agora os fatos surgem ratificando essa impressão do mundo ocidental.

Observa-se, por outro lado, que os seringais estão migrando para outros países inclusive pouco conhecidos no Ocidente, como Mianmar (a antiga Birmânia), Cambodia, Laos e outros. Mas não apenas as árvores migram, também as indústrias o fazem, atrás de matéria-prima mais barata. Neste informativo, temos exemplos claros desse fenômeno migratório, como a importante pneumática sul-coreana Kumho instalando-se no Vietnã.

Enfim, o mundo não pára; a história não Pára.

Os negócios migram para onde são mais competitivos, mais rentáveis. Cada país, cada região deve explorar suas vantagens comparativas. E, em termos de disponibilidade de recursos naturais, o Brasil não encontra similar pela frente.

Aqui, nossa seringueira é amiga do meio ambiente. Aliás, pouquíssimos cultivos comerciais guardam relação de amizade tão estreita com o meio. E assim esperamos que a relação continue. Recursos para isso não faltam.

Uma ótima semana a todos.

Augusto Hauber Gameiro
Coordenador do Sistema de Informações Agroindustriais da Borracha Natural
gameiro@natural.agr.br

The rubber tree damages the environment?

Dear readers,

The subject of our letter may cause some strangeness, since the rubber tree is so far known as an extremely environment-friendly cultivation.

But everything is relative and our rubber tree would not be an exception.

In China, as published in an important Chinese newspaper – an available in our Clipping section -, the uncontrolled rubber tree cultivation in a specific region is causing serious damages to the environment. These damages are derived from the pollution of water resources caused by pesticides, as well as from the simple exhaustion of water resources due to the trees’ consumption.

The fact is duly reported by Chinese media: the profitability of the natural rubber production in the last years is strongly stimulating the expansion of rubber tree areas in that country, leading to serious environmental unbalances.

We know that Asia, more specifically China, presents natural restrictions of this kind. And now the facts arise, ratifying the western impression.

We can observe, by the other side, that the rubber tree planted areas are migrating to countries little known in the Western, as Myanmar, Cambodia, Laos and others. But not only the trees migrate, the manufacturers also do, looking for cheaper raw material. In this newsletter, we have examples of this migratory phenomenon, with the large South-Korean tire company Kumho, which is installing plants in Vietnam.

Well, the world does not stop; the history does not stop.

The business goes to where they are more competitive. Each country, each region might explore its competitive advantages. And there is nothing similar to Brazil in terms of natural resources availability.

Here our rubber tree is environmental friend. In fact, just a few commercial cultivations keep a friendly relationship like this. And so we expect this to continue. The resources are enough.

Good week for all.

 

Augusto Hauber Gameiro
Coordinator of the Natural Rubber Agri-industrial Information System
gameiro@natural.agr.br

Borracha na semana – The week

Na última semana do mês de junho, entre os dias 25 e 29, os preços da borracha continuaram caindo na Malásia (SMR-10), fechando a sexta-feira em US$ 2.076,50/t. Os preços da borracha na Índia (RSS4) acompanharam essa tendência e fecharam a semana em US$ 1.818,00/t. Na Tailândia, assim como na semana anterior, os preços variaram, mas não apresentaram trajetória de queda, fechando a semana em US$ 2.303,60/t, praticamente no mesmo nível que no período anterior.

Os indicadores do mercado interno de junho, exclusivamente levantados pelo Sistema de Informações Agroindustriais da Borracha Natural, estão sendo divulgados neste informativo.

Destaque para a elevação dos preços pagos aos produtores. Em junho, os produtores de coágulo receberam, em média, 3,4% a mais pelo seu produto, entregue às usinas paulistas, quando comparados aos preços de maio. As usinas, por sua vez, continuaram recebendo praticamente o mesmo preço pelo GEB-1 entregue às pneumáticas. No mercado de látex in natura, o produtor teve uma variação também positiva, de 2,3%. Houve, portanto, achatamento das margens do segmento beneficiador.

Para julho, porém, há sinalização de recuo nos preços, uma vez que a referência da APABOR para o GEB-1 caiu 4,6%, devido à valorização cambial e à queda dos preços internacionais em junho.

No mercado atacadista de borrachas sintéticas as elevações continuaram em junho para praticamente todos os produtos. A SBR 1502 (concorrente próxima do GEB-1) aumentou 1,5%. A borracha BR 45 apresentou a maior variação positiva de preço, de 4,5%.

No mercado varejista de pneus, os sucessivos aumentos dos preços ao consumidor nos últimos meses podem estar chegando a um limite, dado que houve leves recuos nos preços em junho, em especial para os caminhões.

Os dados completos da pesquisa estão em “Painel de Mercado”, no site www.borrachanatural.agr.br.

Augusto Gameiro
gameiro@natural.agr.br

Borracha em Foco – Focus on Rubber

Carbono “seqüestrado” aumenta a viabilidade do consórcio de seringueira-cacau

O consórcio seringueira-cacau representa uma atividade promissora para a elaboração de Certificados de Emissão Reduzida (CERs), popularmente conhecidos como “créditos de carbono”, uma vez que as árvores – sobretudo as seringueiras – estocam carbono em sua biomassa. A possibilidade de comercialização dos CERs aumenta consideravelmente a atratividade do consórcio, atuando como incentivo à implementação da atividade. É importante destacar, porém, que mesmo sem a venda dos CERs, o plantio consorciado de seringueira com cacau é economicamente viável.

Continua...

Clipping - Clipping

MERCADO DOMÉSTICO – INTERNAL MARKET

Agricultura e Heveicultura
Governo, BB e Michelin se unem para aumentar a produção da borracha
Lula defende ações preventivas sólidas na agricultura
Indústria de adubos vê antecipação de compras, a maioria à São Paulo
Lula lança Plano Safra da Agricultura Familiar 2007/2008
Crédito do BB para o campo deve crescer 20% em 2007/08

Amazônia e Meio Ambiente
Desertificação vai provocar migração de 50 milhões, diz relatório

Ciência e Tecnologia
Polímero verde é produzido de subprodutos do biodiesel e do vinho

Indústria Consumidora
Couro vegetal une AmazonLife e Rainha
Empresa que usa matéria-prima brasileira recebe prêmio de moda ética
Alpargatas abre escritório em NY para divulgar Havaianas
Tecnologias de Durabilidade Michelin são destaque na Transposul 2007


MERCADO EXTERNO - EXTERNAL MARKET

Agricultura e Heveicultura - Agriculture and natural rubber cultivation
CHINA - Seringueira causa seca nas florestas de Yunnan I
CHINA - Rubber trees cause jungle drought in Yunnan I
CHINA - Seringueira causa seca nas florestas de Yunnan II
CHINA - Rubber trees cause jungle drought in Yunnan II

Sudeste Asiático - Southeast Asia
Preços futuros em Xangai despencam a níveis mais baixos em sete meses
SHFE natural rubber futures tumble to seven-month lows
CHINA – Exportações de borracha para a China
Rubber Exports to China
Indústria quer banir mercado futuro da borracha
Industry for ban on rubber futures
India ready to sign free trade agreement with Thailand
Overwhelming Response For Upcoming Rubber Gloves Seminar In San Jose

Indústria Consumidora - Manufacture industry
MALÁSIA - Redução nas fábricas de luvas de borracha
Malaysian Rubber Glove Companies to Be Reduced
Companhia de Pneus Kumho inicia planta de latex no Vietnã
Kumho Tire kicks off rubber latex plant in Vietnam
Companhia de Pneus Hankook anuncia aumento de preços
Hankook Tire announces price increases
Volkswagen Sees 25% Profit Rise This Year
Global Economy Performs Well, but Risks Remain

Painel de Mercado – Market Prices
Indicadores mensais Maio Junho Var (Abr-Mai) Julho
Coágulo (SP) * MIN R$ 1,53 R$ 1,65 +7,8% -
Coágulo (SP) * MED R$ 1,75 R$ 1,81 +3,4% -
Coágulo (SP) * MAX R$ 2,00 R$ 2,10 5,0% -
GEB-1 (SP) ** R$ 4,78 R$ 4,78 0,0% -
GEB-1 (Apabor) R$ 4,79 R$ 4,81 +0,4% R$ 4,59
Dólar (EUA) R$ 1,98 R$ 1,93 -2,5% -
Petróleo WTI US$ 63,53 US$ 67,50 +6,3% -
Petróleo Brent US$ 67,90 US$ 70,50 +3,8% -
* Coágulo com DRC médio de 53%; ** Preço médio pago pela indústria pneumática às usinas de beneficiamento
paulistas, ajustado pela Taxa Selic para o prazo de 15 dias. Fonte: Coágulo e GEB-1: levantamento junto ao setor;
Dólar (EUA): Banco Central do Brasil (www.bcb.gov.br); Petróleo WTI: New York Mercantile Exchange
(www.nymex.com); Petróleo Brent: International Petroleum Exchange of London (www.ipe.uk.com).

Outros indicadores:
Diários: SMR10, SMR20, Látex Centrifugado (Malásia), STR20, Látex Centrifugado (Tailândia), RSS4 (Índia), Látex Centrifugado (Índia), Dólar, GEB-1 (Apabor), Rubber Index; Semanais: SMR10, SMR20, Látex Centrifugado (Malásia), STR20, Látex Centrifugado (Tailândia), RSS4 (Índia), Látex Centrifugado (Índia), Dólar, Petróleo WTI, Petróleo Brent; Mensais: Látex in natura (SP), Látex Centrifugado (SP), Coágulo (SP), GEB-1 (SP), GEB-1 (Apabor), SMR10, SMR20, Látex Centrifugado (Malásia), STR20, Látex Centrifugado (Tailândia), RSS4 (Índia), Látex Centrifugado (Índia), Dólar, SBR 1502, SBR 1712, BR 45, Petróleo WTI, Petróleo Brent; Estimativa do Preço Futuro Internalizado da Borracha Natural - EPF-Borracha

Publicidade (esta edição do Borracha via e-mail foi enviada para 4.278 agentes do setor de borracha)

VENDE-SE

Fazenda com 35.000 pés de seringueira em produção na região de São José do Rio Preto.

E você que quer investir no plantio, temos mudas e fazemos a assistência técnica.

Entre em contato pelo telefone (16) 3371-8618 - Sr. José Adilson.

Eventos - Events

15º Congresso Brasileiro de Agrometeorologia
Período: 02-05/07/2007
Local: Aracaju, SE
Promoção: Sociedade Brasileira de Agrometeorologia - SBA
Informações: http://www.cbagro2007.com.br

FRANCAL 2007
Período: 10-13/07/2007
Local: São Paulo, SP
Promocão: Francal Feiras
Informações: http://www.feirafrancal.com.br

I Congresso Brasileiro de Heveicultura
Período: 18-21/09/2007
Local: Guarapari, ES
Promoção: Cedagro e Incaper
Informações: http://www.incaper.es.gov.br/congresso_seringueira

Continua...

Conheça também!
algodao arroz mandioca
Equipe – Staff
Augusto Hauber Gameiro
Coordenador - Coordinator gameiro@natural.agr.br
Mariana Perozzi
Jornalista - Journalist
mariana@natural.agr.br
Raquel Bazzo
Jornalista - Journalist
raquel@natural.agr.br
     
Flavia Marques
Jornalista - Journalist
flavia@natural.agr.br
Tania Bragado
Comercial - Comercial
tbragado@natural.agr.br
Marcel Bergamasco
Webmaster - Webmaster
marcel@natural.agr.br

Indique outras pessoas para receber o informativo eletrônico "Borracha via e-mail" gratuitamente.
Envie sua mensagem com críticas e sugestões para borracha@borrachanatural.agr.br.
Caso não queira mais receber o informativo Borracha via e-mail, responda esta mensagem com o assunto "Remover".

Indicate other people to receive this electronic newsletter free.
Send an e-mail message with comments and suggestions to borracha@borrachanatural.agr.br.
If you don’t want to receive this newsletter any more, answer this message with “Remove” in the subject.


www.borrachanatural.agr.br

© 2005 Natural Consultoria S/S Ltda. Todos os direitos reservados – All rights reserved.